L.A.G.Senna

Linguística Teórica e Aplicada

Luiz Antonio Gomes Senna

Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Letramento

autoridade e a autoria do professor

pela

& Alfabetização

© L. A. G. Senna: 1998-2000-2002-2010-2011-2015-2016        Ver. 7 Primavera de MMXVI

2018

Congresso Internacional do Medo

Provisoriamente não cantaremos o amor,
que se refugiou mais abaixo dos subterrâneos.
Cantaremos o medo, que esteriliza os abraços,
não cantaremos o ódio, porque este não existe,
existe apenas o medo, nosso pai e nosso companheiro,
o medo grande dos sertões, dos mares, dos desertos,
o medo dos soldados, o medo das mães, o medo das igrejas,
cantaremos o medo dos ditadores, o medo dos democratas,
cantaremos o medo da morte e o medo de depois da morte.
Depois morreremos de medo
e sobre nossos túmulos nascerão flores amarelas e medrosas

Carlos Drummond de Andrade
O poeta mais nosso, há 116 Anos

Amar o perdido
deixa confundido
este coração.

Nada pode o olvido

contra o sem sentido
apelo do
Não.

As coisas tangíveis
tornam-se insensíveis
à palma da mão.

Mas as coisas findas,
muito mais que lindas,
essas ficarão.